Análise: Jozyanne - Esperança

Sabemos que já é bem tarde para uma análise, mas muitos pediram por ela. Então aí vai...

Depois de seu primeiro lançamento na gravadora do Malafaia, "Meu milagre", Jozyanne vem seguindo a linha "pop pentecostal" de acordo como era "mandada" na MK. Ao perceber que sua desenvoltura ao vivo era mais impactante, a nossa "estrela" que não deseja brilhar atrás de fama elogios, volta ao púlpito da igreja e interpreta seu momento de esperança e reflexão sobre uma época difícil em sua carreira. O álbum conta com composições de Gislaine e Mylena, Júnior Maciel, Josias Teixeira, Amaury Bertoqui e Vania Santos.

Da capa, como aconteceu no seu último cd, estão com o design moderno e com um encarte de dar inveja a qualquer cantor da mk. Podemos dizer que praticamente as páginas das canções impressas são um book da cantora, que se destaca sempre em seus ensaios fotográficos, mas é claro que até as mais bonitas precisam de uma "photoshopada" ungida! Como sempre, a Quartel Design arrasa em tudo que faz... Na fotografia, fontes utilizadas, cores e harmonia. Muito bonito, obrigado. Agora, vamos as canções. Pois isso é o que importa!

O álbum já inicia com um ar “biográfico” da cantora. Na canção "Sobreviver" de Gislaine e Mylena, é bem colocada que são necessárias as diversas lutas do dia-a-dia para vencermos. Além do mais, destaca a adoração sendo o segredo para tão esperada vitória. Chavões conhecidos como “aguenta firme”, “use a fé”, “receba a vida” foram bem utilizados. Em geral, uma abertura ótima e pra quem gosta de ritmos pentecostais, vale muito a pena ouvir.

Chegamos à escolhida como o single do cd. “Se eu não conseguir falar” tem uma letra forte, sendo mais uma composição de Gislaine e Mylena, e pra quem gosta de "chorar", aproveite, está com um clima simplesmente perfeito. A melodia, nem se fala, muito melancólica. E de acordo com o clipe lançado pela Central Gospel Music, essa faixa traduz os períodos difíceis vividos pela cantora, quando esteve com uma grave doença no rins e respectivamente, sua volta aos palcos. A faixa tem cerca sete minutos e meio e foi uma boa escolha para representar todo o cd. Vemos aqui um lado mais "espiritual adoração" da Jozy que, como sempre, arrasa em suas pequenas ministrações e ainda mostrando, que é potente em transmitir unção. Vale muitos replays!!!

"Até te encontrar" é a canção do cd “Esperança”. Podemos dizer que, a música em questão é de extrema semelhança a um dos grandes sucessos da Jozyanne, “Abra os meus olhos” de sua época mktreira. Até mesmo a parte “Senhor, eu não vou sair daqui não...” trás uma boa lembrança do ritmo arrebatador de “Abra, abra os meus olhos, dá-me a visão...”. A composição é do Tony Ricardo. Simplesmente bem elaborada. A interpretação da "adoradora", sem dúvidas, é arrepiante! Os arranjos deram um verdadeiro show e a participação do back ficou estarrecedora. Em seguida, acontece um momento de ministração, no qual, é colocado como a faixa seguinte.

A "Ministração" é um momento de clamor por cura e trazendo uma breve lembrança da rápida ministração do "Abra os meus olhos" com a história de Bartimeu.  

A quinta faixa, "Entrega", tem uma letra altamente clichê, e frases como, “eu quero mais de ti”, “te dou tudo o que sou”, “tudo o que eu tenho” e “eu levanto a minhas mãos” caíram na mesmice. Porém ainda há uma solução. A participação do back vocal abrilhantou a canção por inteiro. A emoção foi introduzida na segunda parte e é perceptível uma pegada mais forte. Com toda certeza, essa é uma daquelas faixas que somente entrou no repertório para completar a numeração estabelecida pela gravadora. Risos. Na parte final, é cantado “santo” diversas vezes... Só falta não terminar...

Antes de iniciar a próxima canção, "Trilha de Saul" é um epílogo lançando ao som espetacular de uma harpa. O instrumental é arrepiante!!! 

Sem dúvidas, "Ao som do teu louvor" é a joia rara do cd. Canção de autoria de Junior Maciel e Josias Teixeira é também, considerada uma das interpretações mais lindas da Jozy em todos os seus cds lançados. No melhor estilo profético, a canção faz alusão a história bíblica de Davi e o rei Saul, quando o mesmo estava sendo atormentado por espíritos. O encorajamento é bastante enquadrado nas estrofes. Além disso, essa é um daqueles chicletes que você se pega cantarolando de vez em quando. O instrumental junto com os back’s, oh my God, muito bem produzidos. Merecem um prêmio. A canção trás um tema bem explorado por outras vozes do meio penteca, exemplo disso, Cassiane que ama a palavra “louve” em seus cds. Eita Deusss!!! Sem questionar, essa faixa tem uma letra espetacular e sem nenhum exagero. Excelente para cantar em corais na igreja. Claro, nota dez para os compositores.

É a primeira vez que vejo a Jozyanne cantando algo mais “poético” e sensível. E olhe que deu certo! "Rendição" é uma regravação e pertence ao Ministério Hebrom. A melodia dessa faixa é muito gostosa de ouvir, principalmente quando inicia o refrão “adorar, adorar, adorar e orar contrito”. Gente vale muito a pena dar uns glórias com essa “rendição”.

"Doce presença" porta uma melodia boa e reflexiva, porém o refrão é bastante repetitivo e muito enche-linguiça. Isso causa nos ouvintes uma pequena sensação de "agonia" para que a faixa seja finalizada a qualquer custo. O coral tentou ajudar, mas essa é uma daquelas que: "passo".

"Ao Deus da minha vida" é talvez a melhor canção escrita por Vânia Santos (não em termos de sucesso, mas de conteúdo). A música é pura adoração pentecostal, muito gostosa de ouvir, tanto pela sua levada quanto a pela letra. Gruda na memória e foge daquele formato robô dos compositores que já estamos cansados de ouvir.

E lá vem mais uma música de Gislaine e Mylena no cd da Jozy. "Eu preciso de adorar" é ótima para a congregação que deseja se avivar com palmas e dança. A faixa tem uma letra bem "legalzinha" e um refrão chiclete. Se você ouvi-la, saberá o que estou falando... O que ficou chatinha nessa faixa foi a introdução lenta... Mas ainda vale muito replays!!!

"Teus olhos revelam" é uma composição de Marcos Witt e já foi gravada pela cantora no disco comemorativo de 30 anos da AVEC. Agora com um ar "ao vivo", essa é aquela canção que você tem a impressão de ter ouvido já centenas de vezes. Porque tem ALGUMAS canções de adoração que parece que só trocaram a letra, e as vezes nem a letra, risos. Tudo muito igual, mas essa é legalzinha. Um dos destaques do cd.

Para fechar o disco, a faixa-título, "Esperança", é enfim entoada pela cantora. Podemos dizer que essa é a mais chatinha do cd e pra te surpreender: É autoria da Jozy. As frases clichês "minha esperança está em ti", "segura minha mão" ou "eu sei que aqui não estou sozinho" já deram... Porém, como a canção trata de um momento íntimo da cantora, a melodia ajudou a não ficar tão ruim.

Quanto aos clipes lançados pela Central Gospel Music... Um mais bonito que outro. Isso prova que com boas ideias, uma boa equipe de cinegrafistas, e uma cantora experiente na área, o resultado é esse: QUALIDADE e ADMIRAÇÃO.

Mais uma vez, o Josué Lopes (irmão da cantora) se destaca em sua produções de cds. "Esperança" trouxe, de certa forma, esperança aos fãs que desejavam que a Jozy voltasse aos palcos e claro, com seus gritos "Filho de Daviiiiiii, tenha compaixão de mim". Curada, renovada e com mais unção para testemunhar o poder do Evangelho, é o que podemos destacar de uma das cantoras mais simples do meio gospel.

Destaque para: "Sobreviver", "Se eu não conseguir falar", "Até te encontrar", "Ao som do teu louvor", "Rendição" e "Ao Deus da minha vida".

Estrelas (de 0 a 5): 4 ESTRELAS! O "Esperança" pecou no exagero de canções de "pop adoração" repetitivas e na falta de variedade de alguns estilos incorporados ao ritmo penteca. Acertou muito em voltar a origem da música pentecostal em algumas faixas e isso é bom. Quem sabe não venha um 5 estrelas em 2016, afinal, do estúdio pra cá (ao vivo), ela já subiu um degrau.

Vale a pena comprar? VALE SIM! É um álbum pentecostal/adoração, bem arranjado e tem unção.

16 thoughts on “Análise: Jozyanne - Esperança ”

  1. Cara... Eu morro de rir com: "...tem uma letra altamente clichê, e frases como, “eu quero mais de ti”, “te dou tudo o que sou”, “tudo o que eu tenho” e “eu levanto a minhas mãos” caíram na mesmice"
    na minha opinião essas frases nunca serão clichês. Enquanto nós dissermos isso pra Deus com sinceridade e não apenas por dizer, estaremos muito bem.

  2. Caro anônimo, as análises do blog são pela qualidade e não buscando a área "espiritual" da coisa.... entenda!

    Adorei a análise!

  3. Sobreviver é a melhor.O CD é bonito,pelo pouco que ouvi,e mais interessante:sem Anderson Freire.É possível,sim,kkkkkk..

  4. By Janddy Brandão

    Quero esse CD... Sempre admirei a Jozy... Mas na minha cidade os lançamentos chegam quando o artista lança outro lançamento kkkkkkkkkkkk
    Interior do Amazonas é podreeeeee...
    Amei a análise. Sou fã (sem idolatrias) desse blog. rsrs

  5. Só sei de uma coisa; Alininha deve estar chorando de odio ao comparar sua capa patetica do Graça com este da Jozy e Nandinha deve ta tirando o resto dos cabelos que ficaram por conta do ao vivo divante, ao contrario da sua" Eternidade" roucante kkkkkkkk

  6. E o que dizer da rainha miadeira de BH? kkkkkkkkkkkk
    Miaaaaaaammaaaaaa
    kkkkkkkkkkkkkkkkk

  7. Jozy é jozy... Pena não vai ter Dvd nem tão cedo... Espero que ela chame o Voices pra participar ja que eram tão amigas kkkkkkkkkkkkkkkk a marina também!!!!))))))kkkkkkkkkkkkk))))

  8. Beeeee.....O VOICES tem nova formação beeeee....Jayane Liz lanne Jessica Jota A e Nádia Santoli beeeee.......Tu és podre mulher

  9. Ai a Jozy canta assim��Ao verem minha capa...A Aline Bruna Karla e a Fernanda Cairão por terra....Ao som do Meu Louvor A mk dona Yvelise Alomara Cairao por terra....Então eu sambo sambo sambo na mk(2x)

  10. Ela ainda não se aposentou kkkk não conseguiu antes fazer sucesso no tempo das vacas gordas imagine agora que as vacas estão magras se realiza jozi e vai se aposentar igual a marina fez kkkk

Leave a Reply

COMENTE LIVREMENTE, MAS CUIDADO COM O QUE VOCÊ FALA! A MODERAÇÃO ESTÁ DE OLHO!